Deputados pedem prisão preventiva de Bolsonaro por permanência em embaixada

26 Mar 2024 - 09:47:54

Deputados federais acionaram a Procuradoria-Geral da República e o Supremo Tribunal Federal nesta segunda-feira (25) com pedidos de prisão preventiva do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), que teria se abrigado na embaixada da Hungria em Brasília após operação da Polícia Federal que apreendeu seu passaporte, em fevereiro.

A deputada federal Professora Luciene Cavalcante (PSOL-SP) enviou petição ao Supremo Tribunal Federal em que afirma que a passagem de Bolsonaro pela embaixada implicou descumprimento do objetivo da apreensão do passaporte e sinaliza uma tentativa de deixar o território nacional para não ser preso.

Lindbergh Farias (PT-RJ), por sua vez, solicitou à Procuradoria-Geral da República que peça ao STF a prisão preventiva do ex-presidente.

“A estadia do ex-presidente, por dois dias, na Embaixada da Hungria, sugere uma tentativa clara de pavimentar o terreno para eventual fuga ou proteção estrangeira, na medida em que as investigações são aprofundadas e se robustecem os indícios e provas capazes de fundamentar não apenas medidas cautelares (prisão), como uma futura condenação penal”, afirma o material.

O texto ainda diz que a ação de Bolsonaro indica “uma tentativa de blindagem com apoio de governo estrangeiro” para “assegurar sua impunidade”, já que estaria ciente de seu “destino penal”, ou seja, a prisão.